quarta-feira, março 06, 2013

Homenagem ao Feminino - autoria de Delasnieve Daspet

.
Homenagem ao Feminino
 Delasnieve Daspet
.
Todo dia 8 de março - um conjunto de organizações  juntam esforços para comemorar o dia internacional da mulher através de um grito, de um canto de vida. É um momento para reafirmarmos nossa fé no nosso País, na nossa democracia, e, também levantar as nossas vozes pelas - ainda - violações aos nossos direitos.

No atual momento que o Pais atravessa temos de  prestar contas a nós, aos nossos filhos, amigos, a nossa nação do que estamos fazendo em prol de nos mesmo, de nossos movimentos contra os fatos que nos dilaceram, tanto no campo politico, ético e moral. Temos de dar contas das nossas escolhas politicas - pois somos responsáveis por elas. Na pior das hipóteses, o resultado da nossa escolha é a herança que deixaremos para a história.

Isto é um momento convocatório. Um canto de homeagem à vida - lembrando  as que foram vitimas de qualquer tipo de violência.
Neste dia - 8 de março - no dito DIA  internacional da mulher  gritamos:
Basta de violarem os nossos direitos!
Pedimos propostas e compromissos reais e efetivos com as mulheres! 

Recordemos que  somos a maior força politica deste pais, e, neste momento quero lembrar-me das mulheres que fomos e que somos.  Já fomos  muitas. Tantas. Algumas de nós sentiram-se fortes, amadas, importantes, outras nem sabiam ler ou escrever.  Até recentemente não podiamos  votar, não tinhamos  voz, nem alma, eramos apenas do lar, sombras acorrentadas aos seus senhorios ( pais, esposos, companheiros, filhos...),  e, até hoje, algumas de nós, somos   vilependiadas, vendidas, esnobadas, difamadas, achincalhadas, esbofeteadas, discriminadas...

Apesar de tudo e de todos  somos mulheres, alicerces.... Por isso eu quero homenagear o feminino, não a mulher ou o homem. Quero homenagear o verdadeiro, sensível, presente em tudo e em todos..

Quero homenagear essa força  parideira de vidas e de idéias. O criativo, o que dá a volta por cima, o fênix. A energia da mulher. Força e meiguice  que não temos vergonha de apresentar, até nos alimentamos dela.

Homenageio este feminino-masculino pois que coexistem. E, neste dia, dedicado as mulheres, fico feliz por poder abraçar a  anergia que cria. A energia que remete à existência, celebrando a Terra, que nos gera, nos ampara. A energia masculina da natureza penetra a energia feminina aberta e receptiva.Um dá e o outro recebe, criando a vida.

Na minha homenagem canto loas e madrigais, debaixo deste céu azul de nossa terra, entrego ao Feminino - o cheiro de nossas matas, o borbulhar das águas puras e brancas, o barulho dos  animais de todas as raças, gente de todas as cores e credos, flores de todas os matizes,  o vento que sopra suavemente e traz os sonhos para dentro de cada um,   e,  de toda a vida que pulsa em nós, Cios da Terra.
.
Ps - O meu artigo originou-se de um texto que li da Cleusa Bechelani que  fala da energia feminina.
.
Delasnieve Daspet - é Poeta, Advogada e Ativista das Causas quase Perdidas ( Paz, Meio Ambiente, Social, Dirietos Humanos ) , é  Presidente da Associação Internacional Poetas del Mundo; Universal Peace Ambassador - Cercle Universel des Ambassadeurs de la Paix - Suécia/França ; Presidente para o Brasil da Indian Intellectual Peace Academy; Representante e  Coordenadora em Mato Grosso do Sul do Proyecto Cultural SUR - Canadá; Delegada Cultural para o Brasil do Liceo Poético de Benirdon, Alicante, Espanha;Representnate do  Movimento Oro de Los Tigres - da Argentina; Representante da ABRACE - Movimento Cultural de Montividéu - UR; Governadora do Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais; Membro da World Academy Arts and Culture Foundation - WAAC/WCF - Seul-Korea; Membro da Executiva do FESC/MS; Conselheira Estadual de Cultura/MS; .Membro da Comissão Regional da CNBB de Justiça e Paz/MS -- daspet@uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por nos visitar, por nos ler e por deixar um comentario.
Volte sempre!

Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget