segunda-feira, março 16, 2009

Calidoscopio




Calidoscópio
Delasnieve Daspet

No tempo,
Olho toda a minha existência
Sem faltar nenhuma das minhas ações,
Boa ou má....

Vi-me em mil lugares diferentes...
Qualidades e defeitos,
Num eterno presente.


A percepção adquirida
Trazia à tona os mais insignificantes
Acontecimentos da minha vida.


Revivo momento por momento,
Período a período,
No mesmo tempo!


Em mim o silêncio.
Silêncio da morte.
Indefinível!

Todos meus atos perpassavam
Em minha lembrança
Cada vez mais forte...
Ah! Como ignorar-me?!

Olhos hermeticamente fechados...
Morrer e viver
Limiar tão estreito
Na fina lâmina do tempo...
DD_ Campo Grande-MS, 9/03;09

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por nos visitar, por nos ler e por deixar um comentario.
Volte sempre!

Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget